Terça-feira
17 de Maio de 2022 - 

Notícias

Newsletter

Cadastre seu email, para receber informativos períodicos.

Previsão do tempo

Hoje - Campinas, SP

Máx
19ºC
Min
12ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Campinas,...

Máx
15ºC
Min
5ºC
Predomínio de

Quinta-feira - Campinas,...

Máx
16ºC
Min
5ºC
Predomínio de

Hoje - São Paulo, SP

Máx
19ºC
Min
14ºC
Parcialmente Nublado

Quarta-feira - São Paul...

Máx
15ºC
Min
7ºC
Predomínio de

Quinta-feira - São Paul...

Máx
16ºC
Min
7ºC
Predomínio de

Hoje - Rio Claro, SP

Máx
20ºC
Min
7ºC
Predomínio de

Quarta-feira - Rio Claro...

Máx
16ºC
Min
2ºC
Geada

Quinta-feira - Rio Claro...

Máx
17ºC
Min
3ºC
Geada

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,07 5,07
EURO 5,28 5,28

Tribunal mantém condenação de acusado de matar jovem em trilha em São Sebastião

Pena de 32 anos e 11 meses de reclusão.     A 7ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve decisão da juíza Glaucia Fernandes Paiva, da Vara Criminal de São Sebastião, que condenou à pena de 32 anos e 11 meses de reclusão, em regime inicial fechado, réu acusado de latrocínio e ocultação de cadáver de uma jovem na cidade de São Sebastião.     De acordo com os autos, em julho de 2020, o réu seguiu a vítima enquanto ela percorria o trajeto de uma trilha até Maresias e, com a intenção de roubar seus pertences, aguardou em local estratégico até que ela voltasse. Ao ser abordada pelo acusado, a mulher entrou em luta corporal com o homem, que a imobilizou e estrangulou. Em seguida, o réu arrastou-a para local afastado e cavou uma cova rasa, ocultando o corpo com terra e folhas.     Para o relator da apelação, desembargador Klaus Marouelli Arroyo, foram acertadas a condenação e a dosimetria fixadas em primeira instância. “As penas-base de ambos os delitos foram bem majoradas na razoável e proporcional fração de 1/6, considerando a condenação transitada em julgado geradora de maus antecedentes”, afirmou. “Quanto ao crime de latrocínio, a pena foi majorada em mais de um terço nesta fase, ante a presença de outras duas agravantes, a de meio cruel e a de emboscada.”     "Diante dos lúcidos fundamentos da sentença condenatória, dizer mais seria redundância desnecessária, frisando que a hipótese é de manutenção integral”, concluiu o relator.     A decisão foi unânime. Os desembargadores Mens de Mello e Ivana David completaram a turma julgadora.       Apelação nº 1500917-32.2020.8.26.0587            imprensatj@tjsp.jus.br     Siga o TJSP nas redes sociais:      www.facebook.com/tjspoficial     www.twitter.com/tjspoficial     www.youtube.com/tjspoficial     www.flickr.com/tjsp_oficial     www.instagram.com/tjspoficial
19/01/2022 (00:00)

Contate-nos

Sede

Rua Cinco nº  3190
-  Jardim Portugal
 -  Rio Claro / SP
-  CEP: 13504-114
+55 (19) 3023-4161+55 (19) 982827143+55 (11) 959688234
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitas no site:  1352943