Domingo
26 de Junho de 2022 - 

Notícias

Newsletter

Cadastre seu email, para receber informativos períodicos.

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,23 5,23
EURO 5,51 5,52

Reunião com os magistrados da 4ª RAJ Campinas abre os trabalhos da Presidência no interior

Fórum de Campinas recepcionou os juízes da região.   A Presidência do Tribunal de Justiça de São Paulo realizou, na última sexta-feira (13), a primeira reunião de trabalho com os juízes do interior, integrantes da 4ª Região Administrativa Judiciária (4ª RAJ), com a presença do desembargador Ricardo Mair Anafe, que preside o Judiciário estadual. Os desembargadores Alexandre Carvalho e Silva de Almeida (coordenador da 8ª Circunscrição Judiciária de Campinas) e Antonio Mário de Castro Figliolia (coordenador da 7ª CJ Mogi Mirim e coordenador adjunto da 8ª CJ Campinas) e os juízes Wagner Roby Gidaro (2ª Vara da Fazenda Pública e diretor da 4ª RAJ) e Luiz Antonio Alves Torrano (1ª Vara da Família e das Sucessões e diretor do fórum) participaram da composição da mesa dos trabalhos. Os juízes assessores da Presidência Ricardo Dal Pizzol (Gabinete Civil Executivo) e Jovanessa Ribeiro Silva Azevedo Pinto (Planejamento, Gestão e Contratos) acompanharam o presidente do TJSP. No início da reunião, o presidente relembrou as vezes em que esteve em Campinas: como juiz auxiliar da Corregedoria-Geral da Justiça, no ano de 1990; como presidente da Seção de Direito Público, no biênio 2014/2015; corregedor-geral da Justiça, no biênio 2020/2021; e, agora, na condição de presidente. Ele salientou a importância da região que tem em Campinas a terceira cidade mais populosa do estado. Começou a conversa falando sobre a alteração de horário no 1º grau – que coloca o Judiciário no patamar de 1º mundo e traz economia de recursos – e contou que, na área de Tecnologia da Informação, será efetuada a troca de todos os computadores, com monitores maiores e melhor conexão, em todas as unidades do Judiciário. Destacou os benefícios da Resolução 850/21 e do trabalho híbrido; enfatizou a necessária fiscalização do recolhimento das custas judiciárias para se evitar a evasão das custas e do aumento de arrecadação advindo com a queima da guia, implantada inicialmente no 1º grau e agora no 2º. “A primeira instância é o ponto mais importante do Judiciário e a taxa judiciária é importantíssima para a instrumentalização dos serviços, portanto, fundamental para a manutenção da qualidade da prestação jurisdicional.” O presidente frisou que o efetivo acompanhamento do recolhimento das custas processuais trará melhorias ao Judiciário como um todo. Também falou sobre o projeto de lei de custas que está na Assembleia Legislativa, das nomeações feitas, dos dois concursos das 1ª e 4ª RAJ e da pretensão de, encerrados os certames, a Presidência dar início às instalações de varas e de Unidades de Processamento Judicial (UPJs). Campinas será contemplada com duas Cíveis, uma da Fazenda e uma no Foro Regional de Vila Mimosa. “A grande novidade será a instalação de duas varas empresariais.” As varas empresariais terão abrangência para as 4ª e 10ª RAJs; inicialmente o TJSP instalará a 1ª, com o aumento do movimento instalará a 2ª. Com o objetivo de conhecer mais e melhor as atividades e dificuldades das diferentes comarcas que compõem a 4ª RAJ, durante a conversa, aberta aos que quisessem expor suas preocupações, o presidente Ricardo Anafe ouviu e respondeu questões sobre o cumprimento das audiências virtuais; dificuldade de acesso à internet; implantação de Colégios Recursais; falta de juízes; teletrabalho para magistrados; nomeação de segundo assistente e déficit de estagiários. O desembargador Alexandre Carvalho e Silva de Almeida testemunhou, em seu nome e em nome do desembargador Antonio Mário de Castro Figliolia, a boa vontade que a Presidência e seus juízes assessores têm demonstrado no atendimento às questões afetas à região. Os integrantes da mesa de trabalho agradeceram a presença do presidente junto aos magistrados da 4ª RAJ, o anúncio das boas novas e a disponibilidade de soluções para as questões apresentadas no encontro. Também participaram da reunião os desembargadores Euvaldo Chaib Filho, Sérgio Coimbra Schmidt (coordenador da 6ª CJ Bragança Paulista), Dimas Borelli Thomaz Júnior, Pedro de Alcântara da Silva Leme Filho, Theodureto de Almeida Camargo Neto, Claudio Augusto Pedrassi, Luiz Fernando Vaggione, César Eduardo Temer Zalaf, Raymundo Amorim Cantuária (coordenador adjunto da 5ª CJ Jundiaí), Francisco Vicente Rossi e João Carlos Garcia; os juízes substitutos em 2º grau, André Carvalho e Silva de Almeida e Maria do Carmo Honório; os juízes de Americana, Gilberto Vasconcelos Pereira Neto (4ª Vara Cível e diretor do fórum) e Marcos Cosme Porto (2ª Cível); de Amparo, Armando Pereira da Silva Junior (auxiliar) e Fabiola Brito do Amaral (2ª Vara); de Araras, Rafael Pavan de Moraes Filgueira (Vara Criminal e diretor do fórum); de Atibaia, Adriana da Silva Frias Pereira (1ª Cível), Carolina Cheque de Freitas (2ª Criminal), José Augusto Nardy Marzagão (4ª Cível), José Augusto Reis de Toledo Leite (Vara do Juizado Especial Cível e Criminal), Leonardo Marzola Colombini (3ª Criminal e diretor do fórum) e Roberta Layaun Chiappeta de Moraes Barros (1ª Criminal); de Campinas, Bianca Vasconcelos Coatti (2ª Vara do Juizado Especial Cível), Celso Alves de Rezende (7ª Cível), Egon Barros de Paula Araújo (2ª Vara do F.R.Vila Mimosa e diretor do fórum), Fabio Varlese Hillal (4ª Cível), Gilberto Luiz Carvalho Franceschini (6ª Cível), Guilherme Fernandes Cruz Humberto (9ª Cível), Herivelto Araujo Godoy (8ª Cível), Lissandra Reis Ceccon (5ª Criminal), Lucas Pereira Moraes Garcia (2ª Cível), Mauricio Simões de Almeida Botelho Silva (10ª Cível), Patrícia Suárez Pae Kim (1ª Criminal), Renata Manzini (5ª Cível), Renata Oliva Bernardes de Souza (1ª Vara do Juizado Especial Cível), Ricardo Sevalho Gonçalves (4ª Vara da Família e das Sucessões), Sílvia Paula Moreschi Ribeiro Coppi (Vara da Infância e da Juventude, Protetiva e Cível), Adriana Barrea, Ana Rita de Oliveira Clemente, Bruna Marchese e Silva, Francisco Jose Blanco Magdalena, Gabriel Baldi de Carvalho, Paulo Henrique Aduan Corrêa, Roberta Cristina Morão e Vanessa Miranda Tavares de Lima (auxiliares), Guilherme Pinho Ribeiro (substituto da 8ª CJ) e Roberto Chiminazzo Júnior (aposentado recentemente na 3ª Vara da Família e das Sucessões); de Cordeirópolis, Juliana Silva Freitas (diretora do fórum); de Francisco Morato, Alexandre Pereira da Silva (Vara do Juizado Especial Cível e Criminal e diretor do fórum) e Renata Aparecida de Oliveira Milani (auxiliar); de Hortolândia, Juliana Ibrahim Guirao Kapor (Vara do Juizado Especial Cível e Criminal e diretora do fórum); de Itatiba, Renata Heloisa da Silva Salles (1ª Cível e diretora do fórum); de Itirapina, Leonardo Christiano Melo (1ª Vara de Itirapina e diretor do fórum de Brotas); de Itupeva, Heloísa Helena Palhares Montenegro de Moraes (diretora do fórum); de Jaguariúna, Ana Paula Colabono Arias (2ª Vara e diretora do fórum); de Jundiaí, Luciana Netto Rigoni (auxiliar) e Marco Aurélio Stradiotto de Moraes Ribeiro Sampaio (3ª Cível e diretor do fórum); de Louveira, Camila Corbucci Monti Manzano (diretora do fórum); de Mogi Mirim, Maria Raquel Campos Pinto Tilkian Neves (4ª Vara); de Monte Mor, Rafael Imbrunito Flores (2ª Vara e diretor do fórum); de Nazaré Paulista, Gabriela da Conceição Rodrigues (diretora do fórum); de Nova Odessa, Eliane Cássia da Cruz (1ª Vara e diretora do fórum); de Piracaia, Lucas de Abreu Evangelinos (2ª Vara); de Piracicaba, José Fernando Seifarth de Freitas (3ª Vara da Família e das Sucessões), Mauro Antonini (5ª Cível) e Rodrigo Pares Andreucci (3ª Criminal e diretor do fórum em exercício); de Rio Claro, Cláudio Luís Pavão (4ª Cível e diretor do fórum) e Cyntia Andraus Carretta (3ª Cível); de Socorro, Fernanda Yumi Furukawa Hata (1ª Vara); de Sumaré, Ana Lia Beall (3ª Cível), Ana Lúcia Granziol (1ª Cível e diretora do fórum), André Pereira de Souza (2ª Cível), Aristoteles de Alencar Sampaio (1ª Criminal) e Olavo Paula Leite Rocha (Vara do Juizado Especial Cível e Criminal); de Valinhos, Geraldo Fernandes Ribeiro do Vale (2ª Vara e diretor do fórum); de Várzea Paulista, Érica Midori Sanada (1ª Vara e diretora do fórum), de Vinhedo, Evaristo Souza da Silva (3ª Vara e diretor do fórum).   Mais fotos no Flickr.   imprensatj@tjsp.jus.br      Siga o TJSP nas redes sociais:      www.facebook.com/tjspoficial      www.twitter.com/tjspoficial      www.youtube.com/tjspoficial       www.flickr.com/tjsp_oficial      www.instagram.com/tjspoficial          www.linkedin.com/company/tjesp
17/05/2022 (00:00)

Contate-nos

Sede

Rua Cinco nº  3190
-  Jardim Portugal
 -  Rio Claro / SP
-  CEP: 13504-114
+55 (19) 3023-4161+55 (19) 982827143+55 (11) 959688234
© 2022 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitas no site:  1393476