Sexta-feira
15 de Janeiro de 2021 - 

Notícias

Newsletter

Cadastre seu email, para receber informativos períodicos.

Previsão do tempo

Hoje - Campinas, SP

Máx
26ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - Campinas, SP

Máx
26ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - Campinas, SP

Máx
27ºC
Min
20ºC
Chuvas Isoladas

Hoje - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
19ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - São Paulo, SP

Máx
29ºC
Min
20ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - São Paulo, SP

Máx
28ºC
Min
21ºC
Chuva

Hoje - Rio Claro, SP

Máx
27ºC
Min
17ºC
Pancadas de Chuva a

Sábado - Rio Claro, SP

Máx
25ºC
Min
18ºC
Pancadas de Chuva a

Domingo - Rio Claro, SP

Máx
26ºC
Min
19ºC
Chuvas Isoladas

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 5,26 5,26
EURO 6,38 6,39

Mantido júri que condenou réu por morte de companheiro

Homem  pretendia manter em sigilo relação homoafetiva.       A 1ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve, no último dia 9, decisão de júri realizado em Atibaia que condenou a 10 anos e 5 meses de reclusão, em regime fechado, réu acusado de matar companheiro por motivo fútil e utilizando-se de meio cruel.      Consta nos autos que a vítima e o apelante mantinham relacionamento homoafetivo à época dos fatos. Temendo que o parceiro desse publicidade nas redes sociais ao envolvimento deles, o réu foi à residência do companheiro e o matou com facadas. Após o crime, o acusado pegou o tablet e o celular da vítima, que continham fotos do casal, e os descartou em lugares ermos.     O relator da apelação, desembargador Diniz Fernando, ressaltou que “o número exacerbado de facadas se traduz no sofrimento maior da vítima, considerando a dor, a angústia, o desespero. Ademais, o réu mantinha relacionamento íntimo com a vítima, aproveitando-se da confiança que esta tinha nele para conseguir ingressar na residência para praticar o homicídio”. “O apelante, em seu interrogatório, foi específico ao referir que aguardou a morte da vítima para retirar a chave da residência de seu bolso, demonstrando extrema frieza”, afirmou o magistrado.      O julgamento teve a participação dos desembargadores Ivo de Almeida e Andrade Sampaio. A decisão foi unânime.       Apelação nº 0005090-54.2014.8.26.0048            imprensatj@tjsp.jus.br       Siga o TJSP nas redes sociais:     www.facebook.com/tjspoficial     www.twitter.com/tjspoficial     www.youtube.com/tjspoficial     www.flickr.com/tjsp_oficial     www.instagram.com/tjspoficial
23/11/2020 (00:00)

Contate-nos

Sede

Rua Cinco nº  3190
-  Jardim Portugal
 -  Rio Claro / SP
-  CEP: 13504-114
+55 (19) 3023-4161+55 (19) 982827143+55 (11) 959688234
© 2021 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Visitas no site:  895192